segunda-feira, 3 de janeiro de 2011

Acabei todos os textos para o novo museu


Acabei finalmente todos os textos para o novo museu. Faltam-me só as legendas. Em Fevereiro deve ser a inauguração e eu desvendo este mistério tão saboroso.
Também fui ao cinema e vi cinema em casa com cd's comprados na Fnac com o meu filho mais velho a ajudar a escolher. Era ainda um cartão com cheque brinde na Fnac que eu ainda não tinha levantado.
Vi « Os homens e os Deuses», magnifico e que prova que em todas as religiões em todos os grupos e instituições há homens e mulheres fantásticos, «De Deuses e Homens», um filme do director francês Xavier Beauvois, é uma história real de oito monges cistercienses que foram feitos refens e assassinados por fundamentalistas islâmicos em 1996. Apesar de serem convivados a regressarem a França, o grupo recusou e optou por permanecer na conflictiva região das montanhas da Argélia, sabendo que correriam o risco de ser martirizados.
O filme foi galardoado com o «Grand Prix», que é o segundo mais alto galardão do festival de Cannes.«Os quatro bébés», delicioso e que mostra o peso da cultura, do lugar, do ambiente onde se nasce e vive. Quatro países e quatro bebés, desde o nascimento até aos primeiros passos. Os seus nomes são Ponijao, Bayarjargal, Mari e Hattie, e vivem na Namíbia, Mongólia, Japão e Estados Unidos. Churchill, porque será que este homem que ganhou uma guerra impossível, perde as eleições logo que a guerra acaba? Filme muito bom.
Jackie Brown de Tarantino um filme que vi na Zon Cabo e adorei. O submundo dos nossos tempos, filmado por um grande realizador, no qual as pessoas são tratadas como lixo e a inteligência no crime tem vários aliados e várias redes.

1 comentário:

continuando assim... disse...

um excelente 2011 !! com tudo aquilo que mais desejares


bj
Teresa

e até sempre !